Economia da Argentina cresce 7,7% em março

A atividade econômica na Argentina cresceu 7,7% em março em relação ao mesmo mês de 2005, informou nesta quinta-feira o Instituto Nacional de Estatística e Censos (Indec). Tomando como base fevereiro, a alta foi de 0,1%. O primeiro trimestre deste ano, com isso, acumula alta de 8,6%.O relatório, denominado Estimador da Atividade Econômica, é um antecipação provisória mensal que é utilizada para medir a variação do Produto Interno Bruto (PIB), indicador verificado de forma trimestral.Segundo os últimos dados disponíveis, o PIB da Argentina cresceu 9,2% em 2005, em seu terceiro ano consecutivo de recuperação após o ciclo recessivo da crise de 2002.Para esse ano, o orçamento oficial prevê que o crescimento será de 4%, idêntico ao que tinha sido calculado inicialmente para 2005, embora os economistas acreditem que o avanço possa rondar os 8%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.