Economia dos EUA cresce pouco, afirma o Tesouro

O secretário do Tesouro dos EUA, John Snow, admitiu que a economia norte-americana não está crescendo o suficiente para criar empregos para os que estão entrando no mercado de trabalho. Ele cobrou os demais países ricos do G-7 para que eles tomem medidas de incentivo ao crescimento econômico. "Os EUA não estão crescendo rápido o suficiente e nem vocês (outros países do G-7) estão, mas estamos crescendo muito mais rápido do que vocês estão", disse Snow. "Nosso crescimento deve ser importante para vocês e seu crescimento é importante para nós".Segundo ele, a economia norte-americana é forte, as bases são boas, mas o país não está "crescendo rápido o suficiente para criar empregos para todas as pessoas que querem trabalhar". O secretário de Tesouro disse que a economia precisa crescer a uma taxa entre 3,5% e 4%, ao invés da taxa atual de cerca de 2%. Sobre os elevados déficits orçamentários do governo federal, Snow disse que eles são menos importantes do que a escassez de empregos. Quando a economia melhorar, Snow prevê que os déficits irão diminuir. Na próxima reunião dos ministros de Finanças do G-7, o secretário do Tesouro dos EUA disse que pedirá aos colegas para se unirem na tentativa de reforçar a economia global. Ele disse que as outras nações não devem criticar os EUA pelo alto déficit em conta corrente, mas devem se concentrar em melhorar as próprias economias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.