Economia norte-americana cria 178 mil empregos

Economia norte-americana cria 178 mil empregos

A taxa de desemprego caiu a 4,6%, o menor nível desde agosto de 2007, segundo o Departamento do Trabalho

Dow Jones Newswires

02 Dezembro 2016 | 14h12

WASHINGTON - Os Estados Unidos geraram 178 mil empregos em novembro, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. Analistas ouvidos pelo Wall Street Journal previam crescimento um pouco maior, de 180 mil.

A criação de vagas no mês de outubro foi revisada para baixo, de 161 mil antes informada para 142 mil. Já o dado de setembro foi revisado de 191 mil para 208 mil, um ganho líquido de 2 mil no período.

O ganho médio por hora permaneceu recuou 0,12% no período, de US$ 25,92 para US$ 25,89, contrariando a expectativa de alta de 0,2%. O número médio de horas trabalhadas ficou inalterado em 34,4 horas. 

A taxa de desemprego caiu a 4,6% em novembro, de 4,9% em outubro, segundo o Departamento do Trabalho, o menor nível desde agosto de 2007. O resultado veio abaixo da previsão de analistas consultados pela Dow Jones Newswires, que esperavam que a taxa permanecesse em 4,9%.

Uma medida mais ampla do desemprego - que inclui os norte-americanos que trabalham meio período - caiu para 9,3% em novembro, de 9,5% no mês anterior. Este foi o menor nível desde abril de 2008.

Já a taxa de participação na força de trabalho dos EUA recuou marginalmente em novembro, a 62,7%, de 62,8% em outubro./DOW JONES NEWSWIRES

Mais conteúdo sobre:
EmpregoEstados Unidos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.