Divulgação
Divulgação

Ouça áudio em que Eduardo Bolsonaro diz que governo 'talvez não consiga' aprovar Previdência

Declaração aconteceu em encontro fechado com investidores nos Estados Unidos; filho do presidente eleito usou o Twitter para negar matéria do 'Estado'

O Estado de S.Paulo

28 Novembro 2018 | 16h57

Em almoço com investidores e empresários estrangeiros, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse que o governo “talvez não consiga” votos para aprovar a reforma da Previdência no Congresso. No encontro organizado pelo Brazil-US Business Council, o parlamentar fez um discurso para passar uma perspectiva otimista sobre o País no próximo governo, mas admitiu a dificuldade no que classificou como uma das prioridades do governo. Ouça o áudio abaixo:

Nesta quarta-feira, 28, no Twitter, Eduardo Bolsonaro chegou a desmentir a declaração. No post, ele disse que estaria "convencido" de que o próximo governo terá condições de aprovar a reforma da Previdência.

"Com interesses estranhos ao da nação, alguém atribuiu a mim essa falsa declaração, mas estou convencido de que teremos condições de aprovar a reforma. Faremos todo o necessário para viabilizá-la, conscientes de que é uma questão de enviar a mensagem certa ao povo brasileiro", escreveu o filho do presidente eleito.

A postagem da declaração ocorreu em reação à reportagem do Estado que mostrou que ele admitiu a investidores que o governo "talvez não consiga" reformar a Previdência, em almoço na terça-feira, 27.

 


O encontro aconteceu a portas fechadas. O Estado teve acesso a áudio com trecho do encontro e também a informações com três fontes presentes na reunião.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.