Efeitos de petróleo e alimentos devem ser evitados, diz Trichet

Presidente do BCE afirma que algumas incertezas rondam expectativas de crescimento para zona do euro

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

08 de maio de 2008 | 14h22

O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, disse nesta quinta-feira, 8, haver algumas incertezas rondando as expectativas para o crescimento na zona do euro, as quais permanecem elevadas. "Em particular, há riscos relacionados à possibilidade de a turbulência nos mercados financeiros ter impacto negativo sobre a economia real superior ao antecipado", disse.  "Além disso, os riscos de baixa são provenientes do impacto de novas altas inesperadas nos preços de energia e alimentos sobre o consumo e sobre os investimentos. Os riscos também vêm de pressões protecionistas e da possibilidade de acontecimentos desordenados no equilíbrio global", afirmou Trichet.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.