Eike busca siderúrgica de grande porte

O Porto de Açu, que está sendo construído pela LLX, de Eike Batista, contará com uma siderúrgica estrangeira com capacidade para produzir 10 milhões de toneladas por ano. Segundo o presidente da LLX, Ricardo Antunes, a usina produzirá chapas e tubos de aço para o mercado interno e externo e envolverá investimentos de US$ 12 bi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.