Eike se revela principal investidor no leilão da ANP

A OGX, empresa de Eike Batista, levou mais cinco blocos do 10º lote do leilão da Agência Nacional de Petróleo (ANP), chegando a 15 lotes arrematados na 9ª Rodada que acontece hoje no Rio. Com isso, a empresa se consagra como a grande surpresa e a principal investidora da rodada, superando até mesmo a Petrobras em volume pago em bônus de assinatura. Eike Batista é controlador de um grupo que atua em mineração, siderurgia, logística e geração de energia, por meio das empresas MMX, EBX, LLX e MPX, respectivamente.A companhia levou cinco blocos na Bacia do Espírito Santo, em parceria com a Perenco, mas em nenhum deles será operadora. No total deste lote foram pagos R$ 106 milhões em bônus de assinatura, dos quais R$ 18 milhões foram oferecidos pela indiana ONGC, em sua primeira participação no leilão.11º loteA Bacia de Potiguar teve arrematados seis dos 20 blocos oferecidos, dos quais quatro deles foram levados pela Starfish, sendo dois individualmente e dois em parceria com a EagleStar (que tem 30%). A estreante Rich Minerals arrematou dois blocos sozinha. No total, foram arrecadados neste lote R$ 7,29 milhões neste lote de número 11, da rodada da ANP.Faltam agora apena três lotes para o término do leilão e a comissão de licitação ainda está por decidir se encerra o certame ainda hoje ou mantém o segundo dia da rodada, previsto para ocorrer amanhã.

KELLY LIMA, Agencia Estado

27 de novembro de 2007 | 18h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.