Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Eletrobrás diz que leilão da Amazonas Energia foi adiado para 10 de dezembro

Mudança ocorre depois de decisão judicial que tornou sem efeito assembleia da estatal que decidiu pela venda de seis distribuidoras de energia

Luana Pavani e Márcio Rodrigues, O Estado de S.Paulo

23 de novembro de 2018 | 11h19

A Eletrobrás informou que o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou nota na noite de quinta-feira, 22, com nova data para o leilão da  Amazonas Distribuidora de Energia. O certame, que ocorreria no próximo dia 27, foi adiado para 10 de dezembro, com a entrega dos documentos marcada para o dia 6.

A decisão ocorre após sentença da 49ª. Vara do Trabalho do Rio de Janeiro, que tornou sem efeito a 170.ª Assembleia Geral Extraordinária da Eletrobrás, em fevereiro, que decidiu pela venda de algumas distribuidoras de energia.

A decisão judicial determinaria que essas empresas se abstenham de dar prosseguimento ao processo de privatização ou liquidação, e apresentem, individualmente ou de forma coletiva, no prazo de até 120 dias, após intimadas, estudo sobre o impacto da privatização nos contratos de trabalho.

Na assembleia, foi autorizada a venda da Amazonas Energia, da Centrais Elétricas de Rondônia (Ceron), da Companhia de Eletricidade do Acre (Eletroacre), da Boa Vista Energia, da Companhia Energética de Alagoas (Ceal) e Companhia Energética do Piauí (Cepisa).

Apenas a Amazonas Energia e a Ceal, envolvida em uma disputa com o governo de Alagoas, ainda não foram negociadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.