Eletrobrás fala em investir R$ 4,2 bilhões em 2004

A Eletrobrás planeja investir, em 2004, R$ 4,2 bilhões, a maior parte em geração de energia, com recursos próprios, afirmou o presidente da estatal, Luiz Pinguelli Rosa. Neste ano, segundo ele, os investimentos deverão somar R$ 3,428 bilhões, "dos quais 70% já foram realizados".Entre os projetos de geração a serem priorizados estão a duplicação de Tucuruí e a colocação de duas turbinas em Itaipu. Segundo ele, esses cálculos não incluem os investimentos que as empresas do grupo farão nas linhas de transmissão que serão construídas em parceria com a iniciativa privada. "A empresa vai ter de tomar recursos para esses investimentos em transmissão, seguindo as regras do leilão de concessões da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica)", disse Pinguelli.Piguelli acredita que a Eletrobrás poderá participar como sócia na construção de pequenas centrais hidrelétricas e outras fontes alternativas de energia. "Podemos ter um papel importante não só adquirindo a energia gerada por esses empreendimentos, mas também participando dos projetos", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.