finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Eletros: home theaters perdem com medida antidumping

A decisão do governo de adotar medida antidumping contra a importação de alto-falantes da China pode levar à suspensão da fabricação de produtos de áudio no País, alertou o presidente da Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos (Eletros), Lourival Kiçula. Para ele, a medida, que foi solicitada para conter a importação desleal de alto-falantes de automóveis, também incluiu, indevidamente, os alto-falantes utilizados em áudio e vídeo. A prática de dumping ocorre quando uma empresa exporta para o Brasil um produto a preço (de exportação) inferior àquele que pratica para o mesmo produto nas vendas para o seu mercado interno. "A medida é incorreta, porque incluiu produtos para os quais não havia qualquer reclamação de dumping, ressaltando-se que esses alto-falantes não são fabricados no País", afirmou Kiçula.Segundo ele, os alto-falantes utilizados na fabricação de micro e mini-systems e equipamentos para home theaters passam a ser taxados em US$ 2,75 o quilo, com a agravante de que não há produção nacional desse tipo de alto-falante no mercado brasileiro.Esta situação, pode inviabilizar a fabricação desses produtos no País em condições competitivas. Há o risco de que seja suspensa a produção de boa parte dos equipamentos de áudio fabricados no Brasil, o que levaria à eliminação de aproximadamente 1.500 postos de trabalho e suspensão de investimentos.

MILTON F. DA ROCHA FILHO, Agencia Estado

09 de novembro de 2007 | 12h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.