Em 12 meses, criação de vagas formais fica 51,6% menor

A criação de postos de trabalho com carteira assinada apresentou uma queda de 51,62% em maio na comparação com igual mês de 2011, quando considerada a série ajustada, que leva em conta as declarações de contratações e demissões pelas empresas fora do prazo. No mês passado, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), foram criadas 139.679 vagas formais ante 288.749 de um ano antes. Os dados constam do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira pelo MTE.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.