Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Em ata, BC admite piora no cenário da inflação

Instituição afirma que a alta dos preços foi forte e negativamente influenciada por alimentos

Fabio Graner e Fernando Nakagawa, da Agência Estado,

16 de dezembro de 2010 | 09h02

O Comitê de Política Monetária (Copom) admite na ata da reunião de dezembro que houve piora no cenário de inflação. No parágrafo 25 do documento, os diretores afirmam que "desde a penúltima reunião, a inflação foi forte e negativamente influenciada pela dinâmica dos preços de alimentos". A reunião anterior havia acontecido nos dias 19 e 20 de outubro. Para o Copom, parte do aumento observado nos alimentos "repercutiu choques de oferta domésticos e externos".

O texto continua com a avaliação de que os aumentos mais fortes observados nas últimas semanas "tendem a ser transmitidos ao cenário prospectivo, entre outros mecanismos, via inércia, como, de resto, apontam as projeções de inflação com as quais o Banco Central trabalha". Nesse trecho, o BC repete a avaliação de que continua a "persistência do descompasso entre as taxas de crescimento da oferta e da demanda".

Diante do quadro mais pessimista para a inflação, o BC admite que "identifica riscos à concretização de um cenário em que a inflação convirja tempestivamente para o valor central da meta".

Tudo o que sabemos sobre:
bcinflaçãopreçosalimentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.