Em meio a temores, Fed reduz taxa de juros para 3,5%

Corte de 0,75 ponto percentual surpreende e tem objetivo de reaquecer bolsas.

Da BBC Brasil, BBC

22 de janeiro de 2008 | 12h55

O Federal Reserve (Fed, o banco central americano) reduziu inesperadamente a taxa de juros da economia dos Estados Unidos de 4,25% para 3,5% ao ano nesta terça-feira.O corte de 0,75 ponto percentual se segue às fortes quedas sofridas pelos mercados de todo o mundo nesta semana, apesar do anúncio do pacote de incentivos à economia pelo presidente George W. Bush na última sexta-feira.O ajuste foi recebido com surpresa, já que a reunião do Fed para discutir possíveis cortes estava marcada para o fim deste mês.A última vez em que o Fed fez cortes de surpresa foi em 17 de setembro de 2001, logo após os atentados de 11 de setembro nos Estados Unidos, e em 3 de janeiro de 2001, na "explosão da bolha" das empresas de internet.Desde agosto de 1982, a instituição não realizava um corte de 0,75 ponto percentual."Isso é enorme", disse Robert Peston, editor de economia da BBC "E é também um grande risco, porque, se não resolver, as pessoas não terão mais nada em seus cofres."Para o analista Jeremy Stretch, do banco Rabobank, a medida "é um sinal de pânico", mas mostra que o Fed quer "tomar ações"."O Fed quer ser visto como uma instituição que está tomando atitudes diante do crescente medo de recessão."BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.