Em semana de Copom, mercado prevê corte de 0,5 pp nos juros

A próxima reunião do Comitê de Política Monetária, a ser realizada nesta semana, deve mesmo resultar em um corte de 0,5 ponto porcentual da taxa básica de juros, a Selic (atualmente em 15,25% ao ano). A perspectiva foi anunciada nesta segunda-feira pela pesquisa Focus, do Banco Central, mostrando que a expectativa é de que julho termine com a taxa em 14,75% ao ano.No último encontro do comitê, a redução foi, também, de meio ponto porcentual - como havia previsto o mercado. Para agosto, a projeção foi mantida em 14,50% ao ano e, para o fim deste ano, inalterada em 14,25% anuais. A única mudança ocorreu na estimativa para a Selic média em 2006, que recuou discretamente de 15,38% para 15,34%. Para 2007, tanto a projeção para o fim do ano como para a média ficaram inalteradas em, respectivamente, 13% e 13,70% anuais. Dólar Ainda, segundo a pesquisa, a mediana das projeções do mercado para o dólar no fim deste mês ficou em R$ 2,20, inalterada em relação à semana anterior. Também não houve mudança na projeção de câmbio para o fim de agosto, também em R$ 2,20. Para o fim de 2006 e para o final de 2007, as medianas das projeções se mantiveram em, respectivamente, R$ 2,23 e R$ 2,35. O mercado também manteve suas estimativas para a relação dívida/Produto Interno Bruto (PIB) nos finais deste e do próximo ano em, respectivamente, 50,50% e 49,20%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.