seu bolso

E-Investidor: O passo a passo para montar uma reserva de emergência

Emprego na indústria de SP cresce pela primeira vez em 1 ano

O nível de emprego industrial em São Paulo subiu 0,08% em abril ante março deste ano, o que representou a contratação de 1.301 pessoas, informou hoje a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). É a primeira alta desde maio do ano passado.Nos quatro primeiros meses do ano, a queda acumulada é de 0,90%, o que significa o fechamento de 14.201 vagas. Nos 12 meses completados em abril, a queda é de 3,08%, o que implicou o fechamento 49.388 postos de trabalho. Dos 47 sindicatos pesquisados, 24 contrataram, 18 demitiram, enquanto os outros 5 apresentaram equilíbrio em abril ante março. Os setores que mais contrataram no mês de abril foram: produtos de cacau e balas (4,07%), rações balanceadas (3,84%), doces e conservas alimentícias (3,61%) e calçados de Franca (3,56%).Os sindicatos que mais demitiram foram: o de curtimento de couros e peles (-12%) e o de congelados e supercongelados (-10,26%).

Agencia Estado,

16 de maio de 2002 | 15h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.