NILTON FUKUDA/ESTADÃO
NILTON FUKUDA/ESTADÃO

Empregos são 'frutos da política econômica que adotei', diz Temer

Presidente usou rede social para comentar dados do Caged, que mostraram criação de 56.151 vagas formais em março

Daniel Weterman, O Estado de S.Paulo

20 Abril 2018 | 14h00

O presidente Michel Temer usou o Twitter para comentar os resultados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta sexta-feira, 20. Ele escreveu que a criação de empregos formais em março é resultado das políticas de seu governo. 

Conforme divulgado pelo Ministério do Trabalho, os dados do Caged mostram que o Brasil abriu 56.151 vagas formais em março.

 


"O Brasil não para de criar empregos com carteira assinada", escreveu Temer em sua conta na rede social, citando os dados de março e também a criação de mais de 200 mil vagas no primeiro trimestre do ano. 

No período, segundo os números do Caged, houve abertura de 204.064 postos de trabalho com carteira assinada.

Na mensagem, Michel Temer usou novamente o lema de que "o Brasil voltou" e disse ainda que a política econômica e social adotada por sua gestão "não pode sofrer retrocessos". 

"O Brasil voltou e está mais forte. Os empregos voltaram. Fruto da política econômica e social que adotei e que não pode sofrer retrocessos."

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.