Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Empresa lança ‘Breaking Bad’ em versão Lego

Laboratório para brincar de fazer remédio para câncer, como do professor Walter White, causa polêmica na internet

Economia & Negócios

09 de setembro de 2013 | 11h23

SÃO PAULO - Aproveitando o sucesso da série Breaking Bad, uma fábrica de brinquedos americana está lançando um kit do tipo Lego para crianças montarem um laboratório que imita os personagens.

Na série, um professor de química descobre ter câncer e começa a produzir metanfetamina para vender a viciados e ganhar dinheiro para amparar a família.

Na laboratório de Lego, as crianças brincam produzir a droga igual à do professor da TV, e para isso contam com todos os apetrechos médicos necessários.

O brinquedo causou polêmica na internet, e a Lego holandesa tratou de divulgar nota esclarecendo que não tem nada a ver com a história.

Chocante. O Bricking Bad (o nome refere-se aos tijolinhos de plástico de montar) tem 500 peças e custa o equivalente a 160 libras, ou R$ 575,00.

Muitos consideraram chocante a ideia de criar um brinquedo infantil cujo universo envolve drogas e câncer. O produto foi lançado pela marca Superlab.

Mas o brinquedo fez sucesso e o especialista em animação Brian Anderson lançou um vídeo com uma versão animada de Bricking Bad, que faz uma paródia da série como se fosse um videogame.

 

Futuro da família. A história de Breaking Bad se passa em Albuquerque, no Novo México, e narra a história de Walter White, interpretado por Bryan Cranston.

White é um professor de química do ensino médio e tem uma esposa grávida e um filho adolescente nascido com paralisia cerebral, o que lhe trouxe sequelas para a fala e habilidades motoras.

Ao ser diagnosticado com câncer no pulmão, ele passa a produzir e vender metanfetaminas ilegalmente, para garantir o futuro da família.

Tudo o que sabemos sobre:
Breaking BadLego

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.