Empresa tenta recuperação

A Passaredo entrou com um pedido de recuperação judicial em 18 de outubro deste ano na 8.ª Vara Cível de Ribeirão Preto (SP). Com uma dívida estimada em R$ 100 milhões, a empresa tem até metade de dezembro para apresentar seu plano de recuperação aos credores.

O Estado de S.Paulo

29 de novembro de 2012 | 23h55

A companhia aérea já vinha enxugando sua operação para preservar o caixa desde a metade do ano, quando começou a devolver seus jatos Embraer 145. Com isso, sua frota de 11 aeronaves foi reduzida para os atuais quatro turboélices ATR. A Passaredo tem sede em Ribeirão Preto (SP) e opera desde 1995 com foco em aviação regional. Em setembro, respondeu por 0,5% do mercado doméstico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.