Empresário teme desaceleração maior nos negócios

A expectativa dos donos de pequenos e médios negócios no Brasil para os próximos três meses está em baixa. O índice de confiança do segmento, divulgado pela segunda vez pelo Ibmec São Paulo e Grupo Santander caiu 12,3 pontos, chegando ao nível de 57,2, numa escala de 0 a 100. "O empresário percebeu que a crise é real e pode ter de desacelerar seu negócio", afirmou Danny Claro, um dos coordenadores da pesquisa.

Marianna Aragão, O Estadao de S.Paulo

12 de março de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.