Empresários pedem prorrogação do IPI da linha branca

Representantes do setor de eletrodomésticos da linha branca reuniram-se hoje com ministro do Desenvolvimento, Miguel Jorge, na sede do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), em São Paulo, para pedir ao governo a renovação da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), que vence no final de outubro. A proposta dos empresários do setor é de que o benefício seja prorrogado por mais três meses. Além disso, o setor solicitou no encontro que a renovação seja acompanhada de novo corte do tributo que incide sobre máquinas de lavar, geladeiras e a manutenção da alíquota para fogões, que atualmente são de 10%, 5% e zero, respectivamente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.