carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Empresários pedem prorrogação do IPI reduzido

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, disse hoje que empresários dos setores de construção civil, varejo e eletrodomésticos voltaram a pedir a prorrogação da desoneração do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Segundo ele, no entanto, não há nenhuma decisão do governo sobre o assunto. "Mesmo se tivesse uma decisão, não seria anunciada hoje. Como (o IPI reduzido) vai até 31 de outubro, se anuncia hoje (a prorrogação), reduz as vendas", disse o ministro, depois de participar de reunião do Grupo de Avanço da Competitividade, nome decidido hoje para substituir o antigo Grupo de Acompanhamento da Crise (GAC).

GERUSA MARQUES, Agencia Estado

21 de outubro de 2009 | 20h33

Na reunião, os empresários apresentaram números do desempenho dos setores com a redução do imposto. No caso dos materiais de construção, os empresários argumentaram que o prazo entre a compra de material e o início da obra é longo. Por isso, o efeito não é imediato, como na indústria automotiva.

O GAC, segundo o ministro, terá a participação de representantes da iniciativa privada, dos ministérios da Fazenda e do Desenvolvimento e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Miguel Jorge disse ainda que o objetivo do grupo é incentivar a competitividade das empresas e identificar os fatores que inibem o crescimento.

Tudo o que sabemos sobre:
impostoIPIprazoMiguel Jorge

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.