Empresas planejam mais investimentos em 2010, diz Deloitte

Pesquisa com 573 companhias mostra que expectativa é de que a receita cresça 8% em 2009 em relação a 2008

estadao.com.br,

15 de dezembro de 2009 | 17h32

Por estarem otimistas com relação ao desempenho de seus negócios em 2010, os empresários brasileiros têm planos de ampliar seus investimentos, especialmente no lançamento de produtos e serviços. Segundo pesquisa da Deloitte, com o panorama empresarial no próximo ano, 95% das 573 empresas entrevistadas acreditam em crescimento em 2010. O grupo consultado representa 17,3% do PIB nacional.

 

A expectativa das companhias é de que a receita total cresça 8% em relação a 2008. A pesquisa mostra que 69% das empresas estima chegar ao final de 2009 com uma receita maior do que a obtida em 2008.

 

Investimentos

 

No item investimentos, 71% das empresas devem encerrar 2009 com um total de aportes superior a 2008. Os projetos de maior aposta são a modernização (considerando a aquisição de bens de capital), com 93%, e a implantação de novos produtos e serviços, com 91% dos apontamentos.

 

Em 2009, 13% das empresas entrevistadas afirmam ter realizado investimentos em aquisições de outras organizações. Entre os projetos de investimentos a serem implantados a partir de 2010, 41% dos empresários utilizarão recursos para a aquisição de empresas, uma intenção manifestada principalmente por médias organizações. Em 2010, 64% dos entrevistados destacaram que darão prioridade, do ponto de vista estratégico, ao desenvolvimento e fornecimento de novos produtos e serviços.

 

Já sobre desafios, os principais fatores enfrentados pelas empresas em 2009 e que tendem a se manter em 2010, por ordem de importância, são: gerenciar os custos sem comprometimento da qualidade; administrar a concorrência doméstica por competidores locais e manter a taxa de retorno do capital investido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.