Empréstimos bancários no mundo voltam a crescer

Alta de 2% no crédito global no 1º trimestre encerra período de mais de um ano de contração durante a crise

Reuters,

21 de julho de 2010 | 12h38

Os empréstimos de bancos internacionais subiram pela primeira vez em mais de um ano no primeiro trimestre, se expandindo em mais de US$ 600 bilhões. O desempenho marca alta de 2%, encerrando um período de contração durante a crise financeira.

O Bank for International Settlements (BIS) disse que os empréstimos concedidos por bancos subiram US$ 645 bilhões entre janeiro e março, ante contração de US$ 397 bilhões no trimestre anterior.

Os empréstimos tinham recuado US$ 3,8 trilhões, ou 11%, entre setembro de 2008 e o fim de 2009, segundo o BIS, organização coordenadora dos bancos centrais mundiais.

As estatísticas do BIS, as únicas que englobam empréstimos internacionais no mundo, mostram que está levando tempo para os financiamentos subirem, com os bancos reduzindo seus fundos para empresas e outros bancos apesar dos esforços dos governos e bancos centrais para destravar os mercados de crédito.

Os empréstimos nos setores bancário e não bancário subiram no primeiro trimestre, em US$ 376 bilhões e US$ 270 bilhões, respectivamente.

 
Tudo o que sabemos sobre:
BIScréditocriseempréstimos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.