coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Encomendas de bens duráveis nos EUA sobem em abril

As encomendas de bens duráveis nos EUA se recuperaram em abril, segundo dados do Departamento do Comércio. Na comparação com março, as encomendas aumentaram 3,3%, para o valor sazonalmente ajustado de US$ 222,6 bilhões. Economistas consultados pela Dow Jones previam alta de 1,3%.

Agencia Estado

24 de maio de 2013 | 10h36

No segmento de aeronaves e peças ligados a defesa as encomendas cresceram 53,3%, enquanto no segmento de aeronaves civis houve avanço de 18,1%. Excluindo o volátil setor de transportes, as encomendas de bens duráveis subiram 1,3% em abril.

As encomendas de bens de capital não ligados a defesa excluindo aeronaves, consideradas uma medida importante dos investimentos das empresas, aumentaram 1,2%.

Os bens duráveis normalmente são itens de alto valor destinados a serem usados por muitos anos. Empresas e consumidores geralmente fazem essas compras quando estão confiantes na economia.

Em março as encomendas de bens duráveis haviam caído 5,9%, mas o resultado daquele mês foi afetado por uma forte queda nas encomendas revelada pela Boeing. Já em abril a Boeing informou que recebeu 51 encomendas, mais do que as 39 de março. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAbens duráveisencomendas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.