Encomendas de bens duráveis sobem 2,1% nos EUA

As encomendas de bens duráveis aumentaram em junho nos Estados Unidos, com a melhora sendo observada em vários setores. O Departamento do Comércio informou que as encomendas de bens duráveis, ou itens previstos para durarem três anos ou mais, cresceram 2,1%, para US$ 172,50 bilhões, no mês passado. O dado referente a maio foi revisado em alta, indicando que houve estabilidade e não declínio de 0,4% das encomendas. O desempenho superou os prognósticos dos analistas, cujo consenso era de alta de 1% em junho. Os economistas citaram os preços mais altos por metais industriais e a melhora em diversas sondagens regionais sobre o setor manufatureiro como razões que sustentaram o prognóstico de que houvesse crescimento no mês. Os analistas, no entanto, ressaltam que o dado é altamente volátil e são cautelosos quanto ao uso dessa informação para diagnosticar ou fazer previsõs sobre as condições da economia. Excluindo itens relacionados a transportes, as encomendas subiram 1,4%. Excluindo itens associados a defesa, o crescimento das encomendas foi de 1,7%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.