Endividados e desesperados apelam a Santo Expedito das causas impossíveis

Igrejas dedicada ao santo guerreiro ficaram lotadas de fiéis em seu dia

Cley Scholz,

19 de abril de 2013 | 16h32

SÃO PAULO - Milhares de devotos de Santo Expedito buscam as igrejas dedicadas ao santo das causas justas, urgentes e impossíveis no seu dia, comemorado nesta sexta-feira.

O santo guerreiro é tido como protetor dos endividados e desesperados. Em São Paulo, a capela de Santo Expedito, no bairro da Luz, ficou lotada e muitos tiveram que rezar do lado de fora.

O santo teria sido um cristão martirizado no século IV, na Armênia. Pouco se sabe sobre sua vida, e muitos pesquisadores até duvidam que ele existiu. Mesmo assim existe grande devoção popular em torno da sua imagem em muitos países.

A lenda diz que, ao ser tentado por um demônio em forma de corvo que gritava 'cras! cras!' ('amanhã, amanhã', em latim), para adiar a sua conversão ao cristianismo, ele teria pisado no pescoço da ave gritando 'hodie!' ('hoje').

As orações a Santo Expedito fazem diversas referências à situação de quem está, como se diz popularmente, 'com a corda no pescoço' por causa das dívidas.

Uma delas diz em certo trecho: "Cuide de nós Senhor, fazei que consigamos o equilíbrio na vida financeira e o discernimento nos negócios. Que no final do mês não nos falte o necessário, que possamos dar aos nossos familiares saúde, educação, dignidade na moradia. Ajudai-nos a superar os problemas financeiros. Ajudai-me para que eu consiga pagar o financiamento do meu carro. Que com a bênção de Deus, eu consiga pagar o financiamento da minha casa própria. Que eu consiga pagar o dinheiro que peguei emprestado com meu familiar ou amigo. Que Deus me abençoe para que eu consiga pagar o financiamento que está atrasado e causou a restrição de meu nome junto aos órgãos de proteção ao crédito".

Veja abaixo as imagens dos devotos de Santo Expedito em São Paulo:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.