Entrada de dólares no País despenca na 3ª semana de setembro

O resultado do período foi de US$ 395 milhões, bem inferior ao registrado nas primeiras duas semanas do mês, quando o fluxo ficou positivo em US$ 8,120 bi

Fernando Nakagawa, da Agência Estado,

21 de setembro de 2011 | 12h54

O fluxo cambial do País registrou ingresso líquido de US$ 395 milhões na terceira semana de setembro, segundo dados divulgados hoje pelo Banco Central (BC). O resultado do período foi bem inferior ao registrado nas primeiras duas semanas do mês, quando o fluxo cambial ficou positivo em US$ 8,120 bilhões. Com o resultado da semana passada, o desempenho em setembro até o dia 16 totaliza ingresso de US$ 8,515 bilhões.

Na semana passada, o fluxo financeiro apresentou saída líquida de US$ 1,191 bilhão - resultado de saídas de US$ 6,156 bilhões, que foram maiores que os ingressos que alcançaram US$ 4,965 bilhões. Apesar da saída financeira na semana passada, esse fluxo segue positivo em US$ 2,614 bilhões no mês até a sexta-feira passada.

A saída de dólares nas operações financeiras na semana passada foi compensada pelo ingresso de US$ 1,587 bilhão registrado nas operações de comércio exterior entre os dias 12 e 16 de setembro. Esse valor decorreu de exportações de US$ 5,531 bilhões e importações de US$ 3,944 bilhões. No mês até o último dia 16, o fluxo comercial acumula ingresso líquido de US$ 5,902 bilhões.

No ano até 16 de setembro, o fluxo cambial acumula ingresso de US$ 68,329 bilhões, resultado de ingressos de US$ 35,016 bilhões pela conta comercial e de US$ 33,313 bilhões na conta financeira.

Tudo o que sabemos sobre:
Banco Centralfluxo cambialsetembro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.