finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Entrevista com o CEO

No comando da Itautec desde janeiro de 2010, Mário Anseloni, de 44 anos, conta que teve um crescimento rápido na carreira. E credita esse desempenho à sua capacidade de entregar resultados. "Mas de uma maneira sólida, sustentável, equilibrada", acrescenta. Anseloni diz que, embora seja bastante motivado por desafios, acredita que eles não são tudo para consolidar uma trajetória profissional. Afirma que é preciso ter consistência nas ações e no que elas proporcionam. Mas admite, que resultado por si só, não basta. "Pode dar alguma projeção, mas não resulta em sustentabilidade." Para isso, alega, é preciso conjugar com sucesso vários fatores, inclusive valores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.