EPE: consumo de energia elétrica cresce 7,8% em 2010

O consumo de energia elétrica cresceu 7,8% em 2010 em relação a 2009, passando de 388,68 mil gigawatts-hora (GWh) para 419,01 mil GWh, segundo informou hoje a Empresa de Pesquisa Energética (EPE). "O mercado de energia elétrica em 2010 foi favorecido pelo desempenho da economia, com destaque para o mercado interno, impulsionado pelo crescimento do emprego e da renda e pelo aumento da oferta de crédito", disse a autarquia, no documento Resenha Mensal do Mercado de Energia Elétrica. Na comparação de dezembro de 2010 com igual mês de 2009, a expansão foi de 4,9%, de 34,49 mil GWh para 36,18 mil GWh.

WELLINGTON BAHNEMANN, Agencia Estado

24 de janeiro de 2011 | 13h08

Segundo a EPE, o segmento de maior destaque no ano passado foi o industrial, cujo consumo cresceu 10,6% na comparação com 2009, para 183,74 mil GWh. "Esse resultado supera os valores de consumo do ano de 2008, antes da crise", destacou a autarquia, ligada ao Ministério de Minas e Energia (MME). A região Sudeste foi a que registrou o maior crescimento no consumo de energia classe industrial no período, de 13,1%, beneficiada pela recuperação extrativo-mineral, metalúrgica e siderúrgica nos Estados de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

O consumo de energia elétrica pela classe residencial aumentou 6,3% entre 2009 e 2010, para 107,16 mil GWh. Segundo a EPE, a evolução desse segmento é favorecida pela expansão do mercado de trabalho e da oferta de crédito, "estimulando a aquisição de aparelhos eletrônicos com decorrente consumo adicional de eletricidade". Os maiores aumentos na demanda desses clientes foram registrados nas regiões Norte (12,6%) e Nordeste (12%). O segmento comercial registrou alta de 5,9% na comparação entre 2009 e 2010, alcançando 69,08 mil GWh.

Na comparação entre dezembro de 2009 e igual mês de 2010, o consumo de energia elétrica da classe industrial cresceu 6,3%. No mesmo período, a demanda residencial aumentou 4,6% e a do segmento comercial, 3%. A EPE ainda informou ainda que o consumo de energia elétrica no mercado livre cresceu 17,2% entre 2009 e 2010, para 109,5 mil GWh. Na comparação de dezembro de 2010 com o mesmo mês do ano anterior, a expansão foi de 15,8%, para 9,4 mil GWh.

Tudo o que sabemos sobre:
energiaconsumoindústriacomércioEPE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.