EPE: leilões A-3 e A-5 têm 637 projetos eólicos

Os leilões de energia A-3 e A-5 marcados para outubro têm 637 projetos eólicos cadastrados, somando um total de aproximadamente 15 mil MW, disse nesta quinta-feira o diretor da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) Miranda Farias. Segundo ele, esses projetos estão em fase de habilitação técnica.

GLAUBER GONÇALVES, Agencia Estado

30 de agosto de 2012 | 14h21

Para participarem do leilão, os empreendimentos precisam cumprir alguns requisitos, entre os quais apresentar a medição dos ventos e a certificação dessa medição. Além disso, os projetos precisam ter licença ambiental prévia e o direito de usar os terrenos em que pretendem instalar os parques.

A presidente da Associação Brasileira de Energia Eólica (Abeeólica), Elbia Melo, avalia que o grande número de projeto cadastrados indica que haverá muita competição nos leilões previstos para este ano. "Esses 15 gigawatts mostram que vai haver muita competição", declarou a executiva durante o Brazil Windpower 2012. Ela acrescentou, porém, que ainda não é possível prever a que preço sairá a energia.

Tudo o que sabemos sobre:
energia eólicaEPEleilões

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.