Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

EPE: uso de energia no Brasil está mais eficiente

A economia brasileira está usando energia elétrica de forma mais eficiente, segundo avaliação do presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Maurício Tolmasquim, com base nos dados preliminares do Balanço Energético Nacional 2007 (BEN) divulgados hoje no Rio. Segundo a EPE, a oferta interna de energia elétrica por habitante no Brasil cresceu 11,7% no ano passado, enquanto a relação entre a oferta total pela riqueza gerada (oferta interna de energia em relação ao PIB) registrou queda de 0,9%.Segundo a EPE, a média de consumo de eletricidade em 2007 atingiu 2.612 quilowatts-hora (kWh) anuais por habitante. Em 2006, a oferta ficou em 2.295 kWh/ano. Já a oferta interna de energia por unidade de produto registrou queda de 0,9%, com a média de 366 kWh por cada US$ 1.000 de Produto Interno Bruto (PIB). Em 2006 essa média ficou em 369 kWh/ano por US$ 1.000 de PIB.Quando se considera o consumo de energia como um todo (não só a eletricidade, mas também a energia consumida em transportes), o movimento é semelhante, mas menos intenso. Pelos dados da EPE, a oferta interna de energia per capita em 2007 atingiu 1,301 tonelada equivalente de petróleo por habitante (TEP/hab), com aumento de 3,9% em relação ao registrado em 2006. Já quando se considera a oferta de energia por unidade de produto (PIB), o aumento atingiu 0,5%. Em 2007, a relação entre a oferta de energia e o PIB ficou em 0,182 de tonelada equivalente para cada US$ 1.000 de PIB, ante o 0,181 registrado em 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.