coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Erro faz site da TAM vender passagens mais caras para brasileiros

Passagens eram oferecidas aos brasileiros por um preço até 300% maior que o mesmo voo nas versões em inglês ou espanhol da página

Nataly Costa e Caio do Valle, de O Estado de S.Paulo,

16 de abril de 2013 | 18h58

SÃO PAULO - A TAM vende passagens mais baratas para o mesmo voo no site da companhia em inglês ou espanhol, que pode ser acessado por brasileiros normalmente. A discrepância entre os preços cobrados em dólares e em reais chega a 300% - e o valor em real é sempre mais caro. Também acontece de alguns voos aparecerem como esgotados na versão brasileira do site, enquanto assentos do mesmo voo estão continuam sendo vendidos para quem paga em outra moeda.

Procurada, a companhia disse que um erro, já corrigido, provocou "uma grande diferença nos preços, para iguais trechos, em nossos sites do Brasil e do exterior". Mas ressaltou que o valor das passagens é determinado pela demanda de cada perfil de passageiro e a oferta disponível, "o que pode variar de acordo com cada mercado".

A reportagem do Estado fez a comparação entre os valores cobrados para um mesmo trecho em moedas diferentes. O voo 3226 (Congonhas - Confins), pesquisado para amanhã (17 de abril), custava R$ 664 no site brasileiro. Mas basta o cliente mudar o país de compra no topo do site da TAM para Estados Unidos e o mesmo voo passa a custar U$ 70 (cerca de R$ 140).

Isso só acontece na TAM. Na versão em inglês do site da GOL, concorrente direta, os preços são equivalentes em reais e em dólares. A TAM informa, em nota, que "cada uma das versões (do site) só permite compras com cartões de crédito emitidos no país selecionado pelo cliente".

Tudo o que sabemos sobre:
tam

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.