Espanha tem recorde de empréstimos inadimplente em julho

O volume de empréstimos inadimplentes nos bancos da Espanha atingiu novo recorde em julho, um sinal da contínua fraqueza no setor apesar de uma melhora na economia do país.

AE, Agencia Estado

18 de setembro de 2013 | 07h45

Dados do Banco da Espanha mostram que esses empréstimos totalizaram 178,7 bilhões de euros (US$ 238,5 bilhões) em julho, representando 11,97% do total de crédito, ante 11,6% em junho, que já era um recorde. Outro grande pico, de 11,4% do total de crédito, foi atingido em novembro, o último mês antes de os bancos locais começarem a transferir ativos podres para o SAREB, o chamado "banco ruim" criado pelo governo para esse propósito.

Também em julho, os empréstimos totais somavam 1,49 trilhão de euros, com queda de 13,4% ante igual mês de 2012.

Os problemas econômicos da Espanha têm origem na implosão de uma bolha no setor imobiliário em 2008. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhaEmpréstimos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.