Esso diz que não recebeu inteiro teor de condenação

A Esso ainda não recebeu o inteiro teor da decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que multa a distribuidora de combustíveis pela prática de dumping em Campinas (SP), em ação impetrada pelo Procon, atendendo denúncia do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Campinas e Região. Em mensagem eletrônica, o departamento jurídico da distribuidora informou que acompanha o referido processo desde o início."De toda forma, (a Esso) continua convicta de que sempre exerceu as suas atividades com total observância à legislação aplicável. Assim, tão logo tenha ciência do inteiro teor da decisão, dará seguimento à adoção das medidas judiciais que forem cabíveis", observa o comunicado, reiterando que a empresa "cumpre integralmente toda legislação aplicável ao seu negócio e que sempre pautou e continuará pautando a sua atividade com estrita observância à legislação", conclui.

ALAOR BARBOSA, Agencia Estado

27 de fevereiro de 2008 | 19h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.