Estadão recebe prêmios do Mérito Lojista 2004

Uma votação realizada entre 42.000 lojistas de todo o País garantiu ao jornal "O Estado de S. Paulo" duas premiações do Mérito Lojista 2004. A consulta, promovida pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), considerou o "Estadão" o jornal de circulação nacional e também o veículo de circulação em São Paulo que mais contribuiu para o bom funcionamento do comércio no ano passado.O prêmio foi entregue ontem à noite ao gerente-comercial do "Estadão", Paulo Avril. Durante a cerimônia de premiação, o presidente da Confederação, Carlos Henrique Levandowski, criticou a carga tributária do País, a escassez de crédito para as pequenas empresas e a burocracia, que emperra os negócios, e conclamou os empresários a unirem esforços com os líderes políticos e da indústria para mudar essa realidade. "Não vamos deixar que individualismos fiquem acima do bem comum", afirmou. Levandowski disse que a derrota antecipada do governo em relação à Medida Provisória 232, que aumenta o imposto das empresas prestadoras de serviços, é uma mostra de como essa união pode trazer resultados. "Esse recuo do governo é a demonstração disso." Ele cobrou do governo o envio ao Congresso do projeto da Lei Geral da Pequena e Média Empresa. O Mérito Lojista foi criado em 1980, ano em que foi entregue a diversas empresas divididas em 19 categorias de setores de produtos e serviços vinculados ao comércio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.