Estado lança projeto para a Copa de 2014

Grupo Estado usará de forma integrada todas as suas plataformas na cobertura do evento

O Estado de S.Paulo

26 de setembro de 2012 | 03h35

O Estado lançou ontem, em São Paulo, seu projeto para a Copa de 2014, em evento voltado para o mercado publicitário e que contou com a presença do ex-jogador Cafu, capitão da seleção pentacampeã em 2002. Com o slogan "Brasil, a maior seleção do mundo", o diretor do Núcleo de Publicações do Estado, Ilan Kow, detalhou as iniciativas do Grupo para a cobertura dos eventos relacionados à competição, que inclui a Copa das Confederações na metade do ano que vem.

A Copa do Mundo, que terá sua abertura oficial no dia 12 de junho de 2014, com uma partida no estádio do Corinthians, que está sendo erguido no bairro Itaquera, em São Paulo, será o principal evento jornalístico esportivo do País nos próximos anos. Em sua cobertura, o Grupo Estado vai utilizar de forma integrada todas as suas plataformas, dos jornais ao portal na internet, passando pelas rádios Estadão ESPN e Eldorado e também por conteúdos organizados em tablets, celulares e edições especiais.

A ideia é que a cobertura tenha a "cara" dos 190 milhões de técnicos do País. Ilan Kow destacou a importância que todo brasileiro tem, com suas convicções e conhecimentos, para falar da seleção. "Vamos fazer o Jornal do Técnico, que vai nascer em uma redação montada dentro de um bar."

Especiais. O projeto inclui mais de 20 especiais, com informações e curiosidades dos 32 países participantes. Do Brasil, o torcedor saberá tudo. Galerias, vídeos, infográficos dos principais temas do dia, com repórteres em todas as 12 sedes. O Jornal dos Técnicos terá distribuição gratuita. O Estado fará uma versão com as principais notícias do dia em inglês e espanhol, também com distribuição gratuita.

A cobertura se estenderá para o Itaquerão, palco da abertura. O Estado terá um camarote no estádio para convidados e leitores. Cafu é um dos responsáveis pela exposição "Campo de Todas as Nações", que mostrará a história do futebol e de seus personagens. No evento de ontem, uma mostra do que já reuniu: a camisa do Brasil usada por Tostão na final da Copa de 1970.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.