Estatal indiana de gás pretende explorar blocos no Brasil

A maior companhia de transmissão de gás indiana Gail, que tem participação do Estado, anunciou planos de investir 5 bilhões de rúpias (US$ 110,42 milhões) na aquisição de ações de companhias estrangeiras e explorar blocos de petróleo e gás no exterior, incluindo Brasil. O presidente da companhia, Proshanto Banerjee, não ofereceu detalhes, mas disse que "atualmente, a empresa realiza estudos sísmicos para blocos de petróleo e gás no Brasil". Outros países nos quais a Gail pretende explorar blocos de gás e petróleo são Filipinas e Mianmar. A Gail disse que negocia a aquisição de participação na companhia egípcia Nile Valley Corporation e busca oportunidades na Grã-Bretanha, na área de transmissão e compressão de gás natural. O programa de expansão deve estar concluído em 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.