coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Estategista da Merrill mantém Brasil em "overweight"

O estrategista de renda variável para a América Latina da Merrill Lynch, Robert Berges, está mantendo sua recomendação de "overweight" para as ações brasileiras, apesar do recente rebaixamento da recomendação para os papéis da dívida do País, decidida pelo banco de investimentos. Ele aconselha seus clientes a manterem algumas ações defensivas, como as de empresas exportadoras, durante a atual turbulência, e a realizarem bons lucros quando os preços do petróleo começarem a cair e o Banco Central brasileiro puder começar a cortar os juros de novo.

Agencia Estado,

03 de maio de 2002 | 15h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.