Eraldo Peres/AP
Eraldo Peres/AP

'Este é o melhor momento para se investir no Brasil', afirma presidente do BNDES

Gustavo Montezano destacou como positivos a queda dos juros reais e o crescimento do PIB; ele também ressaltou a tramitação das reformas previdenciária, trabalhista, tributária e administrativa

André Ítalo Rocha, Circe Bonatelli e Isadora Duarte, O Estado de S.Paulo

11 de outubro de 2019 | 08h57

O presidente do BNDES, Gustavo Montezano, avaliou nesta quinta-feira, 10, que a combinação de avanços macro e microeconômicos no País, somado a mudanças no aspecto cultural, fazem com que o Brasil viva o seu "melhor momento" para receber investimentos. A avaliação foi feita durante debate em painel no Fórum de Investimentos Brasil 2019.

 

Montezano apontou que o País está no menor nível histórico de juros reais, de apenas 2% ao ano, situação que gera um potencial de crescimento nunca antes explorado. "O Brasil é hoje um grande experimento. O menor juro da história e o crescimento do PIB de modo sustentável nos dão um cenário nunca visto antes no campo macroeconômico", afirmou.

Já no campo microeconômico, o presidente do BNDES destacou que o País atravessa um conjunto de reformas com influências relevantes para diversos setores, como a da Previdência, a trabalhista, a tributária e a administrativa, contando, inclusive, com apoio dos congressistas. "É um bom momento para novos entrantes e para novos investimentos no País", observou.

O presidente do BNDES observou ainda que um dos efeitos da força-tarefa da Lava Jato foi uma melhora no quadro de governança. "Seja no cenário público quanto privado, nunca vimos cenário de governança tão bom", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.