Estiagem provoca perdas na safra de soja no RS

A Federação das Cooperativas Agropecuárias do Rio Grande do Sul (FecoAgro) divulgou seu terceiro levantamento de safra, em que identifica o impacto da estiagem sobre as principais culturas. A entidade observou uma queda de 14,7% no rendimento de soja. O potencial produtivo estimado inicialmente em 2.156 quilos por hectare passou para 1.840 Kg/ha. Com a área de 3,275 milhões de hectares, a produção foi calculada em 6,02 milhões de toneladas. Se fosse mantida a mesma produtividade inicial, a safra chegaria a 7 milhões de toneladas. A lavoura está com 64% da área em desenvolvimento vegetativo, 34% em floração e 2% em enchimento de grãos. A FecoAgro ressaltou que a queda de rendimento poderá ser parcialmente revertida se as condições climáticas melhorarem. Os dados da entidade foram recolhidos com 33 departamentos técnicos de cooperativas filiadas, que representam cerca de 80% da área semeada com soja.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.