finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Estrangeiros ficam com 61% da oferta brasileira do Santander

Negociação de ações do banco na Bovespa alcança R$ 13,1 bilhões; papéis foram vendidos ao preço de R$ 23,50

Luana Pavani, da Agência Estado,

10 de novembro de 2009 | 08h49

A oferta de units do banco espanhol Santander teve adesão de 291 investidores estrangeiros na oferta realizada no Brasil, de 224.704.745 units, das quais eles adquiriram 139.266.157, o equivalente a 61,98%. Cada Unit é formada por 55 ações ordinárias e 50 preferenciais. No total, a oferta pública do Santander foi de 560.955.648 units, ao preço de R$ 23,50, com colocação também no exterior - esta de 300.295.255 units.

 

Veja também:

Santander Brasil fatura R$ 1,5 bi e quase dobra lucro no 3º tri

 

Em outubro, o Brasil teve o maior superávit cambial desde 2007, sendo que a principal operação a atrair dólares para o país foi a oferta pública primária da unidade do Santander no Brasil, que proporcionou o ingresso de pelo menos US$ 4 bilhões. A oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do banco foi uma das maiores da história da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa)

 

Conforme registro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) às vésperas da negociação das units na Bolsa, que se iniciou em 7 de outubro, a oferta alcançou R$ 14,1 bilhões, com a venda de 600 milhões units. No anúncio de encerramento, nesta terça-feira, o valor indicado é de R$ 13,182 bilhões. O banco explica que não foi exercido lote adicional (25 milhões de units) e que ocorreu atividade de estabilização pelo Credit Suisse, com aquisição de 32.774.700 units e venda de 524.700, entre 7/10 e 6/11.

 

A oferta brasileira contou ainda com participação de 74,132 mil pessoas físicas, que adquiriram 21,24% das units. Fundos de investimento, 561 deles, responderam por 23,1% do total. Também participaram companhias 46 entidades de previdência privada (6.944.231 units), 801 clubes de investimento (1.273.066), duas companhias seguradoras (597 units), sete instituições financeiras (1.522.182), 1,3 mil pessoas jurídicas (2.838.203) e 24,4 mil pessoas ligadas ao banco ou aos participantes do consórcio (5.489.559).

 

No âmbito da oferta internacional, foram distribuídas 336.250.903 units sob a forma de ADS ao preço de US$ 13,4033, totalizando US$ 4,5 bilhões.

Tudo o que sabemos sobre:
SantanderBovespa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.