Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

EUA anunciam medidas para auxiliar o mercado de habitação

Governo americano pretende comprar títulos lastreados a bônus emitidos pelas agências de financiamento

Gustavo Nicoletta, da Agência Estado,

19 de outubro de 2009 | 16h28

A administração Obama anunciou uma iniciativa para auxiliar o mercado norte-americano de habitação por meio de uma ampliação da liquidez disponível para as agências de financiamento habitacional (HFAs, em inglês) do país. Estas agências, que ajudam famílias com rendas média e baixa a comprar imóveis residenciais, foram prejudicadas pela aversão dos investidores a títulos lastreados em dívidas surgida após a crise financeira.

 

Veja também:

especialUm ano após auge da crise, economia se recupera

especialAs medidas do Brasil contra a crise

especialDicionário da crise 

especialComo o mundo reage à crise

 

Para solucionar parcialmente o problema, o governo norte-americano pretende comprar títulos da Fannie Mae e da Freddie Mac lastreados a bônus emitidos pelas HFAs. Além disso, a Fannie Mae e a Freddie Mac lançarão linhas de crédito e de liquidez temporárias para as HFAs, que pagarão uma taxa para ter acesso aos dois programas.

 

"Esta iniciativa é crucial para ajudar as famílias de trabalhadores a obter aluguéis e preços de moradia acessíveis em tempos econômicos difíceis", afirmou o secretário do Tesouro dos EUA, Timothy Geithner, em um comunicado divulgado conjuntamente pelo Tesouro, pelo Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano norte-americano e pela agência reguladora da Fannie Mae e da Freddie Mac.

 

A nova iniciativa terá "pouco ou nenhum custo para o contribuinte", segundo o comunicado, porque possui caráter temporário e utilizará recursos obtidos com as taxas das autoridades regionais de habitação. Os dois programas estarão disponíveis "por uma janela curta" de tempo para ajudar as HFAs a atravessar o período difícil dos mercados de crédito, segundo o governo. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAhabitação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.