EUA: comitê conjunto se reúne 4ª para discutir orçamento

Parlamentares da Câmara e do Senado dos EUA se reunirão nesta quarta-feira pela primeira vez desde a paralisação do governo, em um comitê orçamentário conjunto para tentar elaborar um Orçamento até 13 de dezembro. O verdadeiro prazo para que seja aprovado um projeto orçamentário nas duas casas é 15 de janeiro.

STEFÂNIA AKEL, Agencia Estado

28 de outubro de 2013 | 12h09

O presidente do Comitê de Orçamento da Câmara, o republicano Paul Ryan, e a presidente do Comitê de Orçamento do Senado, a democrata Patty Murray, já estão preparando o terreno para as conversas que se iniciarão esta semana. Ryan, Murray e outros membros dos comitês devem debater gastos com programas sociais e a reforma tributária, além de cortes de gastos.

Um dos principais objetivos será chegar a um acordo sobre o limite de gastos para o ano fiscal de 2014, que começou em 1º de outubro. Até agora, as propostas da Câmara e do Senado têm uma diferença de US$ 91 bilhões. O governo, que reabriu após 16 dias de paralisação, está operando com um Orçamento de US$ 987 bilhões.

Para economistas do BNP Paribas, um acordo será difícil de ser alcançado, com os democratas exigindo aumento de receita, enquanto os republicanos insistem que isso está fora de cogitação. "Continuamos a acreditar que o cenário mais provável é o de um Orçamento que reduza em cerca de 30% o impacto dos cortes automáticos previstos para entrar em vigor", afirma o banco.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAorçamentocomitê

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.