Shannon Stapleton/Reuters
Shannon Stapleton/Reuters

EUA criam 142 mil empregos em setembro, menos que o previsto

No 3º trimestre, os EUA criaram, em média, 167 mil empregos por mês; no mesmo período do ano passado, essa média foi de 260 mil

O Estado de S. Paulo

02 de outubro de 2015 | 10h01

A economia dos EUA criou 142 mil empregos em setembro, bem menos que os 200 mil postos de trabalho previstos por analistas numa pesquisa da Dow Jones Newswires, sugerindo que a recente turbulência econômica global comprometeu a recuperação do país.

Além disso, os números dos dois meses anteriores foram revisados para baixo. Segundo o Departamento de Trabalho, o total de vagas criadas em agosto foi recalculado de 173 mil para 136 mil e o resultado de julho, de 245 mil para 223 mil.

No terceiro trimestre, os EUA criaram, em média, 167 mil empregos por mês. No mesmo período do ano passado, essa média foi de 260 mil.

Os ganhos médios por hora dos trabalhadores do setor privado caíram 0,04% em setembro, para US$ 25,09, enquanto a previsão era de avanço de 0,2%. Na comparação anual, houve aumento de 2,2%. Enquanto isso, a semana média de trabalho recuou levemente em setembro, a 34,5 horas, de 34,6 horas no mês anterior.

Enquanto isso, a proporção de norte-americanos participantes da força de trabalho caiu para 62,4% em setembro, de 62,4% no mês anterior, permanecendo nos menores níveis desde a década de 1970.

Taxa de desemprego. A taxa de desemprego nos EUA, que é obtida por uma pesquisa separada da que calcula o número de postos de trabalho criados no país, permaneceu em 5,1% em setembro, a mesma taxa registrada em agosto, que não sofreu revisão. 

Uma medida mais ampla da taxa de desemprego, que inclui trabalhadores em empregos de meio turno que gostariam de trabalhar em tempo integral e aqueles desmotivados para procurar uma nova colocação caiu para 10% em setembro, de 10,3% em agosto. 

Mais conteúdo sobre:
EUAempregospayroll

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.