EUA e Alemanha se dizem confiantes sobre reformas na zona do euro

O secretário do Tesouro norte-americano, Timothy Geithner, e o ministro das Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble, expressaram confiança nesta segunda-feira sobre a capacidade dos Estados-membros da zona do euro de implementar reformas e atingir uma integração maior para superar a crise da dívida.

Reuters

30 de julho de 2012 | 13h42

Em comunicado divulgado após encontro na ilha de Sylt, no norte da Alemanha, onde Schaeuble está de férias, as duas autoridades elogiaram os esforços feitos por Irlanda e Portugal para colocar suas finanças públicas em uma base mais estável, e também citaram as recentes reformas estruturais de Espanha e Itália.

"(As duas autoridades) salientaram a necessidade de cooperação e coordenação internacionais contínuas para atingir finanças públicas sustentáveis, reduzir desequilíbrios macroeconômicos globais e restaurar o crescimento", informou o comunicado.

(Reportagem de Gernot Heller)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROGEITHNERSCHAEUBLE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.