EUA entraram em horário de verão ontem

Os EUA, o Canadá e o México entraram em horário de verão na madrugada de ontem, adiantando seus horários em uma hora. Nova York passará a estar quatro horas atrás do padrão planetário GMT e uma hora atrás do horário de Brasília. Chicago passará a estar cinco horas atrás do padrão GMT e duas horas atrás do horário de Brasília. A Cidade do México passará a estar cinco horas atrás do padrão GMT e duas horas atrás do horário de Brasília. A cidade canadense de Toronto passará a estar quatro horas atrás do padrão GMT e uma hora atrás do horário de Brasília.A Bolsa de Nova York (NYSE) passará a operar das 10h30 às 17h (de Brasília). Na New York Mercantile Exchange (Nymex), os contratos futuros de petróleo e derivados serão negociados das 11h às 15h30 (de Brasília); na Comex, os contratos futuros de ouro e outros metais preciosos serão negociados das 9h20 às 14h30 (de Brasília). Na Chicago Mercantile Exchange (CME), os contratos do real brasileiro serão negociados das 9h20 às 16h (de Brasília). Na Chicago Board of Trade (CBOT), os contratos futuros de bônus do Tesouro dos EUA, da taxa dos Fed Funds e de swaps de juros serão negociados das 9h20 às 16h (de Brasília); os futuros do índice Dow Jones serão negociados das 9h20 às 17h15 (de Brasília).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.