EUA exigem mais transparência das empresas

A Securities and Exchange Commission (SEC, a CVM norte-americana) pretende propor diversas regras com o objetivo de melhorar o sistema de transparência nas informações financeiras das companhias. A preocupação em melhorar as regras de transparência surge como conseqüência ao colapso da Enron no ano passado e das preocupações de que muitos de seus executivos, conhecidos como "insiders", tenham vendido volumes significativos de ações da companhia antes que outros soubesse o que estava ocorrendo. A SEC disse que irá propor regras para acelerar informes de transações de ativos das companhias por seus "insiders", acelerar a apresentação pelas companhias de seus relatórios anuais e trimestrais, aumentar a lista de "eventos significativos" que requerem transparência, acrescentar uma exigência de que companhias públicas coloquem seus relatórios em suas páginas na Internet ao mesmo tempo em que eles são apresentados à SEC e exigir transparência das políticas de contabilidade nos relatórios anuais. "As medidas anunciadas hoje representam apenas um começo na realização de uma agenda de regras importante", disse o presidente da SEC, Harvey Pitt.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.