EUA veem necessidade de nova abordagem para negociações de Doha

Os Estados Unidos querem negociar direta e individualmente com cada um de seus parceiros comerciais, assim como dar continuidade à Rodada Doha da Organização Mundial do Comércio (OMC), disse o representante comercial do país, Ron Kirk, nesta quinta-feira.

REUTERS

25 de junho de 2009 | 09h55

Em entrevista à imprensa, Kirk disse que adotar as negociações da maneira multilateral tradicional não vai funcionar mais.

"Nós acreditamos que temos que começar com uma avaliação honesta de que continuar no mesmo caminho em que tentamos percorrer nas últimas três rodadas provavelmente trará o mesmo resultado e não conseguiremos chegar a uma conclusão bem sucedida", afirmou.

Kirk disse também que as recentes disputas comerciais travadas entre EUA e China na OMC são sinal de um relacionamento comercial maduro, enquanto os dois países resolvem suas diferenças dentro do sistema da OMC.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUADOHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.