Euro deve cair na abertura de câmbio argentino

A reabertura do mercado argentino, prevista para esta sexta-feira, centra forte atenção do mercado de moedas internacionais, especialmente entre os investidores do euro. Segundo operadores, a moeda européia deve ser pressionada com qualquer notícia desfavorável em relação ao início das negociações do peso, por causa da larga exposição dos bancos situados na zona do euro na Argentina.Analistas dizer ser muito provável que o patamar de 1,40 por dólar seja quebrado, apesar do previsível esforço do governo para realizar desvalorização controlada da moeda. Há estimativas de que a moeda argentina recuará até 1,60 a 1,70 por dólar, enquanto muitos acreditam que apenas a cotação de 2,00 por dólar é sustentável.Às 7h54 (de Brasília), o euro operava de lado, com o dólar subindo levemente para US$ 0,8920, de US$ 0,8913 ontem. As informações são da Dow Jones.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.