Euro sobe após fala de diretora do FMI

O euro subiu em relação ao dólar ontem após a diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, afirmar que a instituição já recebeu promessas de US$ 316 bilhões em novos aportes e que há "mais na sacola". No começo da semana, ela tinha confirmado que o FMI vai tentar elevar seus recursos em US$ 400 bilhões na reunião anual de primavera (no Hemisfério Norte) do FMI e do Banco Mundial, que começa hoje, em Washington. No fim da tarde, em Nova York, o euro era negociado a US$ 1,3138, de US$ 1,3123 na quarta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.